Brasil

Cantor Anderson Leonardo, do Grupo Molejo, morre aos 51 anos, no Rio

AGÊNCIA BRASIL

O cantor Anderson Leonardo, do Grupo Molejo, morreu nesta sexta-feira (26), no Rio de Janeiro. A confirma√ß√£o foi feita por meio de uma publica√ß√£o nas redes sociais do grupo de pagode. Anderson enfrentava um c√Ęncer. Ele tinha 51 anos e estava internado no Hospital da Unimed-Rio.

‚ÄúNosso guerreiro Anderson Leonardo lutou bravamente, mas infelizmente foi vencido pelo c√Ęncer, mas ser√° sempre lembrado por toda fam√≠lia, amigos e sua imensa legi√£o de f√£s, por sua genialidade, for√ßa e pelo amor aos palcos e ao Molejo‚ÄĚ, escreveu o grupo.

‚ÄúSua presen√ßa e a alegria eram uma luz que iluminava a vida de todos ao seu redor, e sua falta ser√° profundamente sentida e jamais esquecida, n√≥s te amamos‚ÄĚ, completa a publica√ß√£o.

Interna√ß√Ķes

O cantor, compositor e produtor musical enfrentava desde 2022 um c√Ęncer inguinal, que se manifestou na regi√£o da virilha. Em novembro e dezembro de 2022, ele chegou a aparecer em v√≠deos nas redes sociais informando que estava curado.

No entanto, em 2023 Anderson precisou passar por diversas interna√ß√Ķes. Em setembro do ano passado, ele deixou o hospital, mas n√£o chegou a ser liberado para apresenta√ß√Ķes nem para¬† receber visitas.

No dia 27 de fevereiro de 2024, foi internado novamente para dar continuidade ao tratamento de imunoterapia e medica√ß√Ķes para dores. Em 19 de mar√ßo, Anderson teve alta m√©dica ap√≥s passar pelo procedimento de bloqueio de plexo nervoso hipog√°strico, para atenuar as dores. Seis dias depois, voltou ao hospital em estado grave. Ele passou por tratamento de quadro infeccioso com antibi√≥ticos.

No √ļltimo dia 8, foi informado que o cantor estava internado na unidade de terapia intensiva (UTI) do Hospital Unimed-Rio. A informa√ß√£o passada pela assessoria do grupo era de que enfrentava um quadro de insufici√™ncia renal, por√©m l√ļcido e respirando sem ajuda de aparelhos.

No dia 22, o Grupo Molejo fez um apelo nas redes sociais por doa√ß√Ķes de sangue e informou que n√£o havia previs√£o de alta do artista. Ele era acompanhado pelo m√©dico Luiz Fernando Nogueira Simvoulidis.

Carreira

Nascido em 18 de agosto de 1972, Anderson era da Aboli√ß√£o, sub√ļrbio do Rio de Janeiro, e teve contato com a m√ļsica desde crian√ßa, especialmente devido √† influ√™ncia do pai, o produtor musical Bira Haway.

O artista era dono de umas das vozes mais conhecidas e animadas do pagode, principalmente na d√©cada de 90. O timbre se misturava com risadas que acompanhavam o cantor em apresenta√ß√Ķes e entrevistas. Fez sucesso com m√ļsicas como Cilada, Brincadeira de Crian√ßa e Dan√ßa da Vassoura.

Em 2016, para celebrar os mais de 30 anos de carreira, o grupo lan√ßou o √°lbum Molejo Club, apostando na moderniza√ß√£o de suas m√ļsicas, ao mesmo tempo em que mantinha o repert√≥rio cl√°ssico de alto-astral.

Anderson deixa quatro filhos: Leozinho, Alessa Crystine, Rafael Phelipe e Alice.

Repercuss√£o

Pelas redes sociais, Leozinho publicou uma despedida para o pai. ‚ÄúT√ī no teu colo hoje, sempre, e pra sempre. Essa √© a minha sensa√ß√£o. Te amo‚ÄĚ, escreveu.

A escola de samba Mocidade Independente de Padre Miguel fez refer√™ncia a um trecho de m√ļsica do grupo de pagode para homenagear Anderson. ‚ÄúBom sempre ser√° ser feliz com Molej√£o‚ÄĚ.

‚ÄúInfelizmente, essa n√£o √© brincadeira de crian√ßa e a Estrela est√° arrasada com o falecimento de Anderson Leonardo‚ÄĚ, lamentou a escola. ‚ÄúSua voz, ao lado do meu Andrezinho, marcou toda uma gera√ß√£o que cresceu se divertindo com o Molejo‚ÄĚ. Andrezinho, um dos integrantes do Molejo, √© filho do lend√°rio mestre Andr√©, da bateria da Mocidade.

O cantor Xande de Pilares postou um v√≠deo em que toca e canta ao lado de Anderson. ‚ÄúObrigado pela oportunidade de poder partilhar muitos grandes momentos ao seu lado, voc√™ foi um gigante. Descanse em paz, meu amigo, meu irm√£o!!! Estaremos juntos pela eternidade‚ÄĚ, se despediu.

O cantor Dudu Nobre tamb√©m escreveu uma mensagem de pesar. ‚ÄúMeu irm√£o, meu amigo, meu parceiro. Voc√™ foi um dos caras mais incr√≠veis que conheci, vai na f√©, meu amigo. Vamos sempre lembrar da sua alegria e do quanto voc√™ era uma pessoa fant√°stica‚ÄĚ.

*Texto ampliado √†s 17h20 para complemento de informa√ß√Ķes