Brasil

Rio Grande do Sul tem seis barragens com risco iminente de ruptura

AGÊNCIA BRASIL

O governo do Rio Grande do Sul¬†informou neste domingo (5) que o total de barragens em situa√ß√£o de emerg√™ncia com risco iminente de ruptura por causa das fortes chuvas¬†subiu para seis no estado. Nesse s√°bado (4), apenas duas barragens estavam em situa√ß√£o de emerg√™ncia com ‚Äúrisco de ruptura iminente, exigindo provid√™ncias para preservar vidas‚ÄĚ.

As chuvas que atingem o estado desde a semana passada afetaram mais de 780,7 mil pessoas e deixaram 75 mortos.

Ao todo, 18 barragens do estado apresentam algum n√≠vel de fragilidade. Al√©m das seis barragens em situa√ß√£o mais cr√≠tica, outras cinco est√£o em ‚Äún√≠vel de alerta‚ÄĚ, que √© quando ‚Äúanomalias representam risco √† seguran√ßa da barragem, exigindo provid√™ncias para manuten√ß√£o das condi√ß√Ķes de seguran√ßa‚ÄĚ.

H√° ainda¬†sete barragens em ‚Äún√≠vel de aten√ß√£o‚ÄĚ, que √© quando ‚Äúas anomalias n√£o comprometem a seguran√ßa da barragem no curto prazo, mas exigem monitoramento, controle ou reparo no decurso do tempo‚ÄĚ.

Al√©m da barragem 14 de julho, que rompeu parcialmente na √ļltima quinta-feira (2) entre as cidades ga√ļchas de¬†Cotipor√£¬†e Bento Gon√ßalves, est√° com risco iminente de ruptura a barragem PCH Salto Forqueta, em S√£o Jos√© do Herval¬†e Putinga. Na Salto Forqueta foram identificados ‚Äúdanos na margem direita da barragem e sinistro na Casa de For√ßa, causado por in√ļmeros deslizamentos‚ÄĚ.¬†¬†

Também estão em nível de emergência com risco de ruptura a barragem de São Miguel, em Bento Gonçalves; a barragem SDR, em Eldorado do Sul; a barragem Saturnino de Brito, em São Martinho da Serra; e a barragem do Arroio Barracão, em Bento Gonçalves

Nível de alerta e atenção

J√° entre as barragens em n√≠vel de alerta em cidades ga√ļchas, est√£o a UHE Dona Francisca, em Nova Palma; a UHE Bugres-Barragem Divisa, em Canela; a barragem Capan√©, em Cachoeira do Sul; a barragem B2, em S√£o Jer√īnimo; e a barragem Tupi, em Taquari.

As outras sete barragens em ‚Äún√≠vel de aten√ß√£o‚ÄĚ s√£o: a UHE Bugres-Barragem do Blang e a UHE Canastra, ambas em Canela; a UHE Monte Claro, em Bento Gon√ßalves¬†e Veran√≥polis; a UHE Castro Alves, em Nova Roma do Sul ¬†e Nova P√°dua; a barragem PCH Furnas do Segredo, em Jaguari; al√©m das barragens Samuara e Dal B√≥, ambas em Caxias do Sul.

O governo do estado informou ainda que segue monitorando as barragens de Santa L√ļcia, em Putinga; Nova de Esp√≥lio de Aldo Malta Dihl, em Glorinha; Belo Monte, em Eldorado do Sul; e Filhos de Sep√©, em Viam√£o.

O monitoramento dessas barragens é feito pela Secretaria do Meio Ambiente e Infraestrutura (Sema), pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e pelo Operador Nacional do Sistema (ONS).