Brasil

Clube de Leitura do CCBB RJ debate Contos Completos de Lima Barreto

AGÊNCIA BRASIL

Lima Barreto estará em debate no Clube de Leitura do Centro Cultural Banco do Brasil do Rio de Janeiro (CCBB RJ), na próxima quarta-feira (8), às 17h30. A obra Contos Completos de Lima Barreto será analisada por duas grandes estudiosas do escritor: a historiadora e ensaísta Lilia Schwarcz, cuja posse na Academia Brasileira de Letras (ABL) está marcada para junho próximo; e a crítica literária, ensaísta e professora titular da Faculdade de Letras da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Beatriz Resende.

O livro re√ļne todos os contos publicados em vida pelo escritor, resgatados atrav√©s de pesquisa em edi√ß√Ķes originais, jornais e revistas da √©poca, e mais dezenas de in√©ditos, retirados de seus manuscritos. A curadora do Clube, Suzana Vargas, destacou a import√Ęncia das duas debatedoras. ‚ÄúAs duas s√£o as grandes especialistas do Lima Barreto hoje. A Lilia¬†fez um trabalho brilhante porque foi ela que reuniu os Contos Completos e fez um pref√°cio que √© uma verdadeira aula‚ÄĚ, disse Suzana √† Ag√™ncia Brasil.

Oralidade

Clube de Leitura do CCBB RJ debate Contos Completos de Lima Barreto. Historiadora e ensaísta Lilian Schwarcz. Foto: CCBB RJ/Divulgação
Clube de Leitura do CCBB RJ debate Contos Completos de Lima Barreto. Historiadora e ensaísta Lilian Schwarcz. Foto: CCBB RJ/Divulgação

 Historiadora e ensaísta Lilia Schwarcz. Foto: CCBB RJ/Divulgação

Uma particularidade de Lilia¬†Schwarcz √© o fato dela ser historiadora e, tamb√©m grande leitora, destacou a curadora. ‚ÄúEla consegue reunir de modo harm√īnico e avaliar a import√Ęncia liter√°ria dele [Lima Barreto], trabalhando os dados biogr√°ficos. Porque o Lima foi um fen√īmeno que aconteceu no final do s√©culo 19 para o s√©culo 20, porque ele tem uma linguagem muito adiante do seu tempo. Ele utiliza nos seus contos, romances, cr√īnicas, em tudo que fez, uma coisa que na √©poca n√£o era comum, que √© a linguagem oral. A oralidade que s√≥ no modernismo veio com for√ßa, com M√°rio de Andrade, Oswald de Andrade, o pr√≥prio Carlos Drummond de Andrade, que v√£o utilizar com muita for√ßa na poesia, e o Lima utilizou na prosa‚ÄĚ, salientou Suzana Vargas.

A curadora lembrou que a condição racial do escritor interferiu bastante na sua relação com o mundo literário e acadêmico. Ele tentou algumas vezes entrar na ABL e nunca conseguiu. Para Suzana, Lima Barreto foi um cronista fantástico da vida social e cotidiana do Brasil.

Beatriz Resende veio tamb√©m contextualizando a prosa do autor, em especial os romances. ‚ÄúE faz uma leitura interessante e perspicaz do Lima, trabalhando os elementos culturais da obra e mostrando para n√≥s um Lima que n√£o sabia s√≥ javan√™s, como eu brinco no t√≠tulo do encontro‚ÄĚ. Beatriz esteve com os originais do Lima Barreto, que est√£o na Biblioteca Nacional (BN) e foram escritos em papel de p√£o e guardanapos, quando esteve internado no hosp√≠cio. Suzana Vargas tamb√©m teve esses escritos de Lima Barreto em m√£os, quando trabalhou na BN, e afirmou que o escritor enfrentou muitas dificuldades e problemas neurol√≥gicos que o levaram a ser hospitalizado.

Clube de Leitura do CCBB RJ debate Contos Completos de Lima Barreto. Ensaísta e crítica literária Beatriz Rezende. Foto: CCBB RJ/Divulgação
Clube de Leitura do CCBB RJ debate Contos Completos de Lima Barreto. Ensaísta e crítica literária Beatriz Rezende. Foto: CCBB RJ/Divulgação

. Ensaísta e crítica literária Beatriz Rezende. Foto:  CCBB RJ/Divulgação

Aula imperdível

Apontou que o Clube de Leitura vai ser ‚Äúuma aula imperd√≠vel‚ÄĚ. Al√©m disso, ser√° uma oportunidade de o p√ļblico assistir tamb√©m a com√©dia sat√≠rica musical Os bruzundangas, texto de Lima Barreto, com adapta√ß√£o de Renato Carrera, atualmente em cartaz no Teatro 2 do CCBB RJ, de quinta-feira a s√°bado, √†s 19h, e aos domingos, √†s 18h.

Lima Barreto, nascido em 13 de maio de 1881 e falecido em 1¬ļ de novembro de 1922. Descendente de escravos, Barreto sentiu na pele a exclus√£o social, inclusive nos meios acad√™micos, devido √† sua origem e √† sua cor. Al√©m do alcoolismo, enfrentou diversos problemas de sa√ļde em sua vida e foi internado em hosp√≠cio mais de uma vez.

Evento gratuito

O encontro sobre a obra de Lima Barreto, com Lilia Schwarcz e Beatriz Resende, come√ßar√° √†s 17h30, na Biblioteca Banco do Brasil, 5¬ļ andar, do CCBB RJ, com entrada gratuita. O Clube de Leitura CCBB 2024 conta com o patroc√≠nio do Banco do Brasil. Os v√≠deos dos encontros ficam dispon√≠veis, na √≠ntegra, no YouTube do BB. O projeto vai at√© dezembro de 2024. Os dois primeiros encontros deste ano tiveram a participa√ß√£o de Viviane Mos√©, Eliana Alves Cruz e Marilene Felinto, em mar√ßo; e de Eliane Potiguara, Eliane Brum e Anapuaka Tupinamb√°, em abril. Seus v√≠deos j√° est√£o dispon√≠veis. Em 2023, 1.243 pessoas participaram presencialmente do Clube, que teve milhares de acesso online.

Clarice Lispector

Suzana Vargas adiantou que o quarto encontro ocorrer√° no dia 5 de junho e ser√° sobre o livro de Clarice Lispector A Paix√£o Segundo GH, abordando a presen√ßa da autora no cinema. Os convidados s√£o o cineasta Luiz Fernando Carvalho, diretor do filme sobre o livro que est√° estreando nos cinemas, a atriz Maria Fernanda C√Ęndido, que ler√° trechos do livro, al√©m de N√°dia Battela Gotib, primeira bi√≥grafa da autora, e com participa√ß√£o especial de Melina Dalboni, que foi a roteirista do filme.

Programação de julho

Em julho, o Clube de Leitura do CCBB RJ terá como tema As sete cores da palavra e literatura em diversidade. Os convidados serão a drag queen Rita Von Hunty e o poeta trans Tom Grito.