Brasil

Rio credencia rodas de samba para programa de desenvolvimento cultural

AGÊNCIA BRASIL

Rodas de samba com, no mínimo, dois anos de atuação no Rio de Janeiro e vínculo local têm até o dia 2 de maio para se inscrever em edital de credenciamento.

As inscri√ß√Ķes s√£o feitas online no endere√ßo cultura.prefeitura.rio. √Č preciso ser pessoa f√≠sica, comprovadamente produtores (as) de samba ou sambistas, ter mais de 18 anos e morar no Rio.

A assistente da Coordenadoria de Territ√≥rios e Diversidade Cultural da Secretaria Municipal de Cultura (SMC), B√°rbara Azeo, disse √† Ag√™ncia Brasil que, com o credenciamento, as rodas de samba ficam salvaguardadas pelo novo Programa de Desenvolvimento Cultural Rede Carioca de Rodas de Samba, institu√≠do pelo decreto 50.785, de 2021, alterado no ano seguinte, cujo funcionamento √© regulamentado pela Secretaria Municipal de Ordem P√ļblica (Seop).

Calend√°rio

‚ÄúAs rodas inscritas nesse credenciamento v√£o formar um grande calend√°rio municipal que a prefeitura vai divulgar e ao qual a popula√ß√£o ter√° acesso para saber a programa√ß√£o que acontece regularmente‚ÄĚ, disse B√°rbara.

Ela esclareceu também que, além de participar desse  calendário municipal, as rodas de samba vão ter facilitadas três licenças que precisariam obter em outras secretarias.

‚ÄúA ideia √© que esse credenciamento seja um grande facilitador, burocraticamente falando, para essas rodas e gere esse mapeamento e grande programa√ß√£o para a cidade ter acesso onde tem samba, qual √© o tipo de p√ļblico-alvo. As pessoas v√£o poder se identificar com as rodas de acordo com o perfil da roda de samba e com o territ√≥rio. Os produtores inscrevem as rodas e t√™m que explicar qual √© o v√≠nculo que a roda tem com aquele territ√≥rio. Tem todo um cuidado com a cidade‚ÄĚ, especificou.

Seleção

Uma comissão técnica Рformada por funcionários da prefeitura do Rio e representantes indicados pela Associação Rede Carioca de Rodas de Samba Рfará a seleção das rodas a partir de 3 de maio, devendo entregar ainda neste mês o resultado do credenciamento, considerando que as rodas não aprovadas têm três dias para apresentação de recursos. Serão avaliados critérios como vínculo com o território, impacto da roda e experiência cultural do seu responsável.

O √ļltimo cadastramento de rodas de samba cariocas ocorreu em 2021 e permitiu a regulamenta√ß√£o desses grupos em espa√ßos p√ļblicos. Naquele ano, foram mapeadas 95 rodas de samba.

B√°rbara acredita que o n√ļmero de rodas de samba ser√° maior este ano. At√© o momento, 40 rodas se credenciaram. Ela afirmou que metade das rodas inscritas sinalizou que essa √© a primeira vez que est√° participando. O edital pretende inserir novas rodas na cena carioca e certific√°-las.

Depois de aprovadas, as rodas de samba inscritas no novo Programa de Desenvolvimento Cultural Rede Carioca de Rodas de Samba ser√£o realizadas nos dias e locais especificados no calend√°rio publicado pela Secretaria Municipal de Cultura no Di√°rio Oficial.